sexta-feira, 6 de maio de 2005

Sporting!



Hoje tenho mesmo de falar de futebol! Quando já suspirávamos e pensávamos "Enfim...", "Pois é...", e "Pelo menos fomos até às meias-finais..." a sorte sorriu-nos. E ainda bem. Hoje toda a gente fala e escreve sobre o jogo. Eu também não resisto a fazer uns comentários e provocações.

1 - Existe um núcleo da central da equipa do Sporting que merece uma alegria destas: Sá Pinto, Beto, Pedro Barbosa, Rui Jorge. Sempre mostraram dedicação e orgulho pelo clube.

2 - José Peseiro. Chegou ao Sporting e foi sempre olhado com desconfiança. Ontem mostrou frutos do seu trabalho. E esteve bem ao reconhecer que a sorte esteve do lado do Sporting, esteve bem ao evitar polémicas sobre as condições do estádio holandês, e ao recordar que recentemente Portugal perdeu em casa a final do Euro 2004 contra a Grécia. Foi humilde e correcto no momento da vitória.

3 – Os comentários de Dias da Cunha após o jogo. Foi mais uma vez infeliz. É pena...

4 - Aos meus amigos benfiquistas que me têm felicitado com um grande sorriso de quem diz "Vocês fica com a taça UEFA e nós com o campeonato. Não querem ganhar tudo, pois não...?" digo-vos: "Vocês ficam com a Taça de Portugal e chega. Para que é que querem dois troféus na mesma época?"

5 - Aos meus amigos portistas que gostam de insistir que o Sporting só ganhou porque teve sorte recordo que no ano passado o FCP também só ganhou ao Manchester por sorte. O tal golo do Costinha...

6 - E agora vem a festa da final. Lembro-me da final de Sevilha, há dois anos, dirigentes de vários clubes portugueses estiveram presentes e usaram com orgulho o cachecol do FC Porto. Espero que no próximo dia 18 os mesmos dirigentes (incluindo os do FC Porto) estejam em Alvalade com um cachecol do Sporting.

7 – Só uma provocaçãozinha para terminar: quantos deputados estarão já a preparar "trabalho político" para o dia 18 de Maio?

Acima de tudo fico contente porque pelo terceiro ano consecutivo temos uma equipa portuguesa numa final das provas de clubes da UEFA. Pelo terceiro ano consecutivo temos um treinador português a liderar uma equipa que atinge essa final (este ano Mourinho atingiu o “limite de mandatos” :-) ). Uma palavra de apreço para os vários jogadores brasileiros integram estas equipas; é também uma vitória o talento sul-americano (eu sei que há ali jogadores de outras nacionalidades, mas a minha costela brasileira obriga-me a esta referência...).

7 comentários:

Anónimo disse...

"Panes et Circenes" também fazem falta.
Desde que o Circo seja só circo, tudo bem.
Os Brasileiros não deixem de ser portugueses, os romenos são latinos, o Dualá (faz de conta que é assim que se escreve) é cidadão honorário, a costa do Chile foi visitada pelo Magalhães, portanto é tudo gente da casa.

João Moutinho

Anónimo disse...

Bom dia,
É intrigante como o futebol ( essa alineação, será ? )consegue "entrar" em tudo o que é blog não futeboleiro !
Eu que gosto de futebol como jogo, aconselharia calma aos Sportinguistas ( parabéns ) para já ainda não ganharam nada e como dizia BILLY SHANKLY ( para os neófitos recordo que foi trinador do LIVERPOOL de 1959 a 1974 ) :
" Quem é 1º é 1º !
Quem é 2º não é NADA"
Cumprimentos,
António P.

Marco disse...

António P.
Eu sou humano! Tenho direito a uma quota de irracionalidade e alienação...
:-)
Ou haverá quem nunca tenha sido irracional ou alienado por um simples momento na sua vida?
:-)

Anónimo disse...

Engraçado, o Sporting foi a terra alheia onde perdeu o jogo (3-2), mas como resultante do jogo anterior acabou por vencer.
É que isto de ir a terras alheias é interessante, mas não te quero colocar em "alhadas". Género fazer um mau passe ao guarda-redes... :-( ou ;-)

João Moutinho

Elfo disse...

Não é por acaso, mas os Elfos são... Verdes.

Ontem gritei numa clareira ao Luar:
Gooooooooooooooollllllllllllllooooooooooooooooo!

Pus o rádio no volume 31, também não dá mais, abri as portas do carro e o grito de golo entranhou-se pela floresta.
Estava uma noite de breu debaixo das bétulas e dos castanheiros e as raposas e aves nocturnas fizeram eco porque estavam a torcer pelos portugueses do SPORTING.

Elfo disse...

É a mesma clareira onde oro ao Romper-da-Aurora.

Ontem quiz que o meu Sporting ganhasse... para não desiludir a minha filha.

Anónimo disse...

Caro Marco,
Estou consigo ! Poucos poderão dizer que nunca foram irracionais ou alienados num momento da sua vida. Mas a minha pergunta do porquê blogs não futeboleiros e de referência / qualidade se sentirem na necessidade de falar, eu não diria de futebol, mas das vitórias das suas equipas ultrapassa-me.
Cumprimentos
António P.