segunda-feira, 23 de outubro de 2006

A história por detrás da foto

Depois de ter permitido que fossem tiradas fotos com um grupo de crentes e admiradores na visita ao Lincoln Park de Chicago, em Maio de 1912, o fotografo começou a sentir-se à vontade para tirar outras fotos. A foto seguinte foi tirada no momento em que 'Abdu'l-Bahá se debruçava para o fosso onde estava o urso polar no zoo desse parque.



'Abdu'l-Bahá parece fascinado com o animal, mas a expressão da maioria dos Seus acompanhantes sugere uma história diferente. Parecem mais interessados no fotógrafo.

Na verdade, houve aqui uma pequena conspiração. Tinha sido pedido ao fotografo que captasse uma imagem dos cabelos brancos de 'Abdu'l-Bahá, saindo debaixo do turbante e descendo sobre o Seu manto. Pensaram que depois de ver o urso polar, 'Abdu'l-Bahá se voltaria e teriam então o momento para conseguir a foto desejada. Pouco depois desta foto ser tirada, as pessoas que estavam atrás de 'Abdu'l-Bahá recuaram sorrateiramente para permitir que o fotografo montasse rapidamente o tripé e conseguisse a foto pretendida. O Mestre continuou fascinado pelo urso polar até ao momento em que o fotógrafo tirou a tampa da objectiva; nesse momento 'Abdu'l-Bahá voltou-se, riu-se, tocou-lhe com a Sua bengala, estragando-lhe assim o esquema combinado.

3 comentários:

Daniella disse...

Muito curioso!
Como é que você sabe destes pormenores tão minuciosamente?
Leio em algum lugar ou alguém que contou para alguém que lhe contou?!
Não deverá estar no fosso um urso polar?
Onde estará então o fotógrafo, quando tirou a foto e quando 'Abdu'l-Bahá se voltou, riu-se, tocou-lhe com a Sua bengala, estragando-lhe assim o esquema combinado?

Marco Oliveira disse...

Daniella,

Ainda bem que alguém faz essa pergunta. Você pensave que eu estava citando o "Kitab-Ouvi-Alguém-Dizer"?
Eh eh eh eh eh

A história desta e de outras fotos - nomeadamente esta - encontram-se no livro "Written in Light - 'Abdu'l-Bahá and the American Bahá'í Community (1898-1921)"
O autor é R. Jackson Armstrong-Ingram e a editora é a Kalimat Press.

O livro tem o encanto especial, pois todas as fotos antigas tem associadas memórias e algumas histórias curiosas. Você teve alguma avó que um dia lhe mostrou fotos antigas e lhe contou o que aconteceu antes ou depois de alguma foto ter sido tirada? Pois o livro é isso mesmo. Uma viagem ao passado, um album de recordações fantástico.

Entre os livros que comprei recentemente, este encontra-se entre os mais interessantes. Também está disponível na Amazon.

Daniella disse...

Obrigada