terça-feira, 15 de abril de 2008

Um Mestrado que não lembra ao diabo!

Custa a acreditar, mas é mesmo verdade. A Universidade do Algarve tem mesmo um Mestrado em Gestão e Manutenção de Campos de Golfe.


Para quem não acredita, veja a página 9 deste documento.

Claro que eu fico a aguardar as próximas iniciativas académicas. Quem sabe... uma Pós-Graduação em Técnicas de Matraquilhos... ou um Doutoramento em Bronzeados e Biquínis...

Com cursos destes quem é que quer saber do Modelo Finlandês?

9 comentários:

entãoéassim... disse...

Pensavam que eles estavam a brincar quando referiram as "Novas oportunidades"? Aqui está a prova de que há lugar para todos e mais alguns!
Ainda veremos "Mestres" engenhêros nos campos de golfe, de rabo para o ar, a analisarem à lupa os pêlos do relvado e a bicharada que lá se entranha.
Quanto a outras "iniciativas académicas", parece que até já se vendem monografias e trabalhos afins na internet, por 15 € a página!
Quanta gente escrupulosa, quanta ética!!! A que presta os "serviços" e a que a eles recorre. Quem disse que o dinheiro não traz felicidade???
É sempre de louvar tamanha generosidade. Afinal, é a pensar nos mais ocupados; a vida é uma correria, não há tempo para tudo!!!
E para que serve a "lei de menor esforço"?

Pedro Fontela disse...

ora... que raios é isso? Mestrado? Pelo menos estranho é...

SAM disse...

Marco, Marco, nada de falar mau da minha Universidade.

Mas... ainda bem que, ao menos, a minha Faculdade não tem nada a ver com isso ;)

iuri disse...

Será assim tão estranho? se é mestrado é porque é uma especialização de um curso mais geral, provavelmente de gestão. Talvez Gestão de Campos de Golfe engloble muito mais e seja algo muito mais complexo do que nós imaginamos...

Anónimo disse...

Não entendi o objetivo da crítica!
Há tantas coisas mais interessantes para divulgar...vamos perder mais quanto tempo com críticas vagas...?

Daniella disse...

hahaha...
Concordo com Iuri...
Pode perfeitamente se enquadrar numa especialização de um curso mais geral como turismo ou hotelaria (o que de facto não falta por aí)!!!
Mas a minha questão é o que o país vai fazer com tantos formados em áreas tão especializadas???
Imaginemos este mesmo mestrado "especialização", quantos campos de golfes existem em todo o país e quantas especialistas estes campos precisam!!!???

Luís Bonifácio disse...

Eu ando à procura de um mestrado em "Engenharia de construção de parafusos de rosca esquerda".

Acho que não falta muito para ser inventado.

entãoéassim... disse...

luís bonifácio,

Não se contentaria com o mesmo mestrado mas apenas substituindo os parafusos para rosca direita? Ouvi dizer que são mais procurados...
Boa sorte!
:-))

Helena disse...

Sinceramente, não vejo o motivo para a crítica. Campos de golfe são um elemento fundamental do sector do turismo de luxo, e exigem um conjunto de conhecimentos cada vez mais complexos - desde a questão da definição dos clientes que interessam, até aos problemas ecológicos.
São investimentos caríssimos, com elevados custos de manutenção, e com uma concorrência mundial muito forte.
Bom tema para uma especialização!
E se, por ex., na área da arquitectura aparecer um mestrado sobre concepção de campos de golfe, também não me admiro.